segunda-feira, 2 de julho de 2012

Príncipe Sombrio – Christine Feehan [Série Os Cárpatos]

Príncipe Sombrio, de Christine Feehan, publicado pela Editora Universo dos Livros.


A morte pode esperar mais um dia…
Mikhail Dubrinksy é o Príncipe dos Cárpatos, o líder de uma sábia e secreta raça ancestral, que vive na noite. Tomado pelo desespero, com medo de nunca encontrar a companheira que iria salvá-lo da escuridão, a alma de Dubrinksy gritava na solidão. Até o dia em que uma bela voz, cheia de luz e amor, chegou a ele, atenuando sua dor e seu anseio. Raven Whitney possui poderes telepáticos e os utiliza na captura dos mais depravados serial-killers.


Antes mesmo de o livro ser publicado já era grande o 'blábláblá' sobre ele nas redes sociais. Acredito que muitas pessoas estavam ansiosas, como eu, para por as mãos nesse livro e devorá-lo em poucas horas! A capa, de cara, já convence de que têm algo de muito bom naquelas páginas! Mas não se deixe enganar por tudo isso, pois é bem possível que você se decepcione imensamente com ele.

O Príncipe Sombrio entrou no hall dos piores livros que li nos últimos tempos. Eu só terminei a leitura por pura teimosia, queria ver aonde chegaria aquilo tudo… É bem fácil perceber que o livro vai desandar já nas primeiríssimas páginas. Sabe quando a coisa já começa melosa!? Esse até arrepia de tão meloso. Christine Feehan exagerou em tudo e de todas as formas possíveis nesse livro.

Exagerou muito nas cenas de sexo. Putz! Os dois personagens, Mikhail e Raven, não podiam se vir que já estavam fazendo sexo! E a sugação de sangue? Cheguei a ficar com nojo da sugação generalizada de sangue. Sugação para se alimentar, sugação para se curar, sugação para transar… 'Pelamordedeus'!

E o personagem Mikhail Dubrinksy ganha o troféu de personagem mais irritante de todos os tempos. Nunca um protagonista me desagradou tanto. Posso apontar fácil vários defeitos nele, mas vou citar aquele que mais me incomodou: Sua possessividade em relação à Raven. E por falar em Rave, eita!, que personagem fraco e sem personalidade. Vivia brigando e querendo ir embora, mas bastava um beijo e ela já arriava a calcinha...

Sem falar da necessidade dos Cárpatos em possuir uma mulher, como companheira, para garantir a sobrevivência da espécie. E não estou falando da necessidade somente de procriação, mas sim da sobrevivência do próprio Cárpato adulto. Fala sério! Não me convenceu nadica de nada! Aliás, nada no enredo ou nos personagens me convenceram ou agradaram, e no final quando eu estava torcendo para que o vilão finalmente acabasse com todos os Cárpatos da 'face da terra', eles ganham a batalha e sobrevivem! 

Acho que deu para perceber que eu não gostei nem um pouco do livro. Mas é assim, gosto não se discute. Tenho uma colega, a Graceline, que ama de paixão a série, suspira só de falar sobre os Cárpatos. Eu achei tudo muito chato, repetitivo e piegas, mas se você gosta de romance bem meloso, aguado e com personagens possessivos e metidos a machões, leia que você vai gostar e acabar apaixonada.


17 comentários :

  1. Concordo... está entre os livros mais decepcionantes que já li... uma pena... adoro ler... IAN por exemplo, tenho ela toda, é super hot, mas não deixa você largar o livro... já esse tem que se esforçar pra terminar...

    ResponderExcluir
  2. Uma pena, né, Vall?! Esperava tanto dele...

    Em 27 de julho de 2012 18:25, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  3. Oi, Miriam! É a primeira vez que venho aqui e por causa da resenha do Príncipe Sombrio. Ainda não terminei de ler o livro(vou acabá-lo tb por teimosia...rsrs), mas concordo contigo. Não chego a odiar, mas que os personagens são irritantes e a história de sangue e terra para tudo, cansa. A Raven só se mete em confusão. Não sei como o Mikhail não perde a paciencia com ela. Que mulherzinha confusa...

    No entanto, lembrei da série IAN. Não sei quem escreveu primeiro, mas que existem algumas semelhanças entre um e outro, existem. Óbvio que a Ward escreve muuuito melhor que a Feehan e a história dos irmãos e os personagens dela são muito melhor construídos.

    Gostei muito do blog. Já estou te seguindo.

    Beijo!

    http://romancesaovento.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Rosane!

    Eu não quero mais ler essa séria. É.Muito.Chata! rsrs E a IAN eu sou a única na face da terra que ainda não leu. Mas ainda vou ler! rsrsr

    Seja muito bem-vinda ao blog!

    Um beijoO

    Em 22 de novembro de 2012 15:35, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  5. eu já sou daquelas que suspira ao ouvir Carpatos... ehhehehe

    saudade de passar por aqui :)Beijo,
    Lariane

    ResponderExcluir
  6. Hahahaha eu sabia qye vc não ia gostar. Eu abandonei esse livro, não passei da página 100 (ou 60? já nem lembro mais). E as toneladas de erros, não tinha nessa edição? Será que já corrigiram? rs

    Bjs, saudades de vc, viu.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Lari! Que bom ver você por aqui! Eu tbm ando sumida dos blogs, incluindo o meu! rsrs

    Queria ter gostado do livro, dessa forma teria sido um prazer e não um sofrimento terminar essa leitura.

    BeijoO

    2012/7/2 Disqus

    ResponderExcluir
  8. Ehhhh! Saudades também! \o/ Quero voltar... deixar a preguiça que
    me corroê de lado. ;D

    É, sem condições de gostar desse livro. E sabe que eu não vi tantos erros quanto estão falando. Tem um errinho ou outro, mas nada que realmente atrapalhou a leitura. Talvez a Editora fez uma correção, sei lá, ou talvez eu que não vi eles por lá.



    2012/7/2 Disqus

    ResponderExcluir
  9. Eu li um pedaço do livro e gostei O.o

    beijocas
    Selene
    Veronique Arnauld Choiseul Blanchard

    Modaeeu.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Mas essa série possui fãs pelo mundo inteiro. Acho que eu faço parte da minoria mesmo...

    Beijo

    2012/7/2 Disqus

    ResponderExcluir
  11. Ah, acho que também faço parte da minoria que não gostou. Não consegui nem terminar de ler... Depois de ler a série da Irmandade da Adaga Negra, essa história deixou muito a desejar pra mim. Mas também não julgo quem gostou, pois acho isso horrível. Cada um lê o que gosta e o importante é ler mesmo, não importa o quê.

    ResponderExcluir
  12. Oi, Marina!

    Eu também não julgo, não! Até porque eu adoro YA, adoro livro de banca, adoro Crepúsculo! rsrsr

    O importante é ter prazer com o que se está lendo e ser feliz!

    Um beijo

    Em 2 de julho de 2012 09:48, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  13. Miriam, essa versão publicada pela Universo não reflete bem a série pois é uma versão estendida, que lá fora foi publicada bem depois... coisa para fã mesmo, pois possui muitas passagens que por terem ficado maçantes e repetitivas foram tiradas da versão final...
    Quanto a eles serem machões e possessivos... não há o que mudar, eles são assim mesmo...
    Mas acho que muita gente ficou decepcionada com essa publicação, eu inclusive... tomara que o próximo me agrade mais, pois estou disposta a dar mais uma chance...

    beijos,
    Dé...

    ResponderExcluir
  14. Quero muito ler esta série, o livro parece ser ótimo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  15. Marina Tinoco Waski10 de maio de 2014 23:37

    Concordo totalmente! Tb adoro livros que muitos criticam, sem nem conhecer.
    E não quis dizer que vc estava julgando não. rsrsrs
    Vc deixou claro que respeita. Eu falei por desabafo, pq é uma coisa que me incomoda bastante, qndo as pessoas ficam criticando e não respeitam...

    ResponderExcluir
  16. É, eu achei tudo muito exagerado, sabe. Não precisava ser tão longo e nem com tantas cenas hots. Não gostei.

    Em 5 de julho de 2012 22:00, Disqus escreveu:

    ResponderExcluir
  17. wow nossa se é assim o livro, ja nem to com tanta vontade de ler, parece meio decepcionante mesmo... sem contar nas cenas quentes... baahh li uma vez um livro assim tbm... cada página tinha q ter uma cena... dae desisti da história, na verdade a capa é bem interessante e o titulo tbm, mas a resenha me desanimou ahuahuahu

    ResponderExcluir

Qual a sua opinião?

Comente a vontade e faça parte do blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Todos os marcadores

Livros ( 130 ) Novo Conceito ( 33 ) receitas ( 27 ) Promoção ( 26 ) guloseimas ( 24 ) Mensagens ( 23 ) lançamentos ( 22 ) Variedades ( 21 ) Resenha ( 19 ) Selinhos e mimos ( 17 ) Bobagens ( 14 ) Editora Arqueiro ( 13 ) Editora Planeta ( 13 ) Resultado de sorteio ( 13 ) divulgação ( 12 ) Danielle ( 11 ) Desafio Literário ( 10 ) Poesia ( 8 ) Coragem hoje é segunda-feira ( 6 ) Circuito Novo Conceito ( 5 ) Meg Cabot ( 5 ) Uma resenha pra chamar de minha ( 5 ) Editora Essência ( 4 ) Filmes ( 4 ) L. J. Smith ( 4 ) Marian Keyes ( 4 ) Nora Roberts ( 4 ) Novo Século ( 4 ) Universo dos Livros ( 4 ) Desafio Literário 2015 ( 3 ) Editora Intrínseca ( 3 ) Editora Underworld ( 3 ) Jeff Lindsay ( 3 ) Lisa Mcmann ( 3 ) Literatura Estrangeira ( 3 ) Literatura Nacional ( 3 ) Nicholas Sparks ( 3 ) Nicole Jordan ( 3 ) Rachel Gibson ( 3 ) Régine Deforges ( 3 ) Siobhan Vivian ( 3 ) Stieg Larsson ( 3 ) A Mediadora ( 2 ) Abbi Glines ( 2 ) Amazon ( 2 ) Beth Fantaskey ( 2 ) Carole Matthews ( 2 ) Dica de Leitura ( 2 ) Ebook ( 2 ) Editora Saída de Emergência ( 2 ) Editora Sextante ( 2 ) James Patterson ( 2 ) Jenna Black ( 2 ) Jenny Han ( 2 ) Jodi Picoult ( 2 ) Lançamento ( 2 ) Paulo de Castro ( 2 ) Portia da Costa ( 2 ) desabafo ( 2 ) Alicia Gallotti ( 1 ) Ally Carter ( 1 ) Amy Morin ( 1 ) Ana Paula Bergamasco ( 1 ) Angela Morrison ( 1 ) Anna Fagundes Martino ( 1 ) Anthony E. Zuiker ( 1 ) Audrey Niffenegger ( 1 ) Audrey Nixon ( 1 ) Babi Dewet ( 1 ) Barbara Delinsky ( 1 ) Becca Fitzpatrick ( 1 ) Bella Andre ( 1 ) Bernhard Schlink ( 1 ) Bruna Ischaffon ( 1 ) Cecelia Ahern ( 1 ) Chelsea Cain ( 1 ) Christine Feehan ( 1 ) Christine M. ( 1 ) Chuck Hogan ( 1 ) Clarice Lispector ( 1 ) Colleen McCullough ( 1 ) Dan Gemeinhart ( 1 ) Daniel Glattauer ( 1 ) David Gilmour ( 1 ) Drama ( 1 ) Duane Swierczynski ( 1 ) E. L. James ( 1 ) Editora Galera ( 1 ) Editora Globo ( 1 ) Editora Jardim dos Livros ( 1 ) Editora Modo ( 1 ) Editora Multifoco ( 1 ) Editora Pandorga ( 1 ) Editora Porto 71 ( 1 ) Editora Todas as Falas ( 1 ) Elizabeth Chandler ( 1 ) Elizabeth Gilbert ( 1 ) Enderson Rafael ( 1 ) Entrevista ( 1 ) Estantes ( 1 ) Eventos ( 1 ) FML Pepper ( 1 ) Fenelivro ( 1 ) Fern Michaels ( 1 ) Ficção ( 1 ) Gabrielle Charbonnet ( 1 ) Galera Record ( 1 ) Gary Smalley ( 1 ) Guilhermo Del Toro ( 1 ) Howard Roughan ( 1 ) Hugh Laurie ( 1 ) James A. Owen ( 1 ) James Bowen ( 1 ) Janaina Rico ( 1 ) Jane Austen ( 1 ) Janet Dailey ( 1 ) Jessica Spotswood ( 1 ) Jill Mansell ( 1 ) John Corey Whaley ( 1 ) John Green ( 1 ) Jojo Moyes ( 1 ) Joseph Ratzinger ( 1 ) Josiane Veiga ( 1 ) Julia Donovan ( 1 ) Julie Garwood ( 1 ) Karen Kingsbury ( 1 ) Karyn Bosnak ( 1 ) Katherine Applegate ( 1 ) Kiko Nogueira ( 1 ) Kimberly McCreight ( 1 ) Lauren Weisberger ( 1 ) Leisa Rayven ( 1 ) Leitura Nacional ( 1 ) Leticia Wierzchowski ( 1 ) Lilian Dorea ( 1 ) Livros; Emily Brontë; resenha; Lua de Papel ( 1 ) Marcelo Lima ( 1 ) Marco de Moraes ( 1 ) Marcos Bulzara ( 1 ) Maria Beaumont ( 1 ) Martha Argel ( 1 ) Mauricio Gomyde ( 1 ) Michael Grant ( 1 ) Nina Malkin ( 1 ) Não ao plágio ( 1 ) PE ( 1 ) Paolo Flores d'Arcais ( 1 ) Patrick deWitt ( 1 ) Paula Pimenta ( 1 ) Paulo Castro ( 1 ) Paulo Coelho ( 1 ) Primeiras Linhas ( 1 ) Prêmio Bang ( 1 ) Record ( 1 ) Romance ( 1 ) Rosana Rios ( 1 ) Rubem Alves ( 1 ) Sara Fawkes ( 1 ) Sarah Lotz ( 1 ) Sextante ( 1 ) Sobrenatural ( 1 ) Stacey Jay ( 1 ) Stella Florence ( 1 ) Stephanie Perkins ( 1 ) Stephenie Meyer ( 1 ) Suma de Letras ( 1 ) Susan Wiggs ( 1 ) Susane Colasanti ( 1 ) T. Greenwood; Livros ( 1 ) Tony Buzan ( 1 ) Vanessa de Cássia ( 1 ) Vida e Consciência ( 1 ) Wendy Markham ( 1 ) YA ( 1 ) Zíbia Gasparetto ( 1 ) amostrinha ( 1 ) corrida ( 1 ) cote ( 1 ) cotidiano ( 1 ) dicas ( 1 ) e-books ( 1 ) hora do planeta ( 1 ) runner ( 1 ) tags ( 1 )

Direitos do leitor (Daniel Pennac)

1. O direito de não ler.

2. O direito de pular páginas

3. O direito de não terminar um livro.

4. O direito de reler.

5. O direito de ler qualquer coisa.

6. O direito ao bovarismo (doença textualmente transmissível).

7. O direito de ler em qualquer lugar.

8. O direito de ler uma frase aqui e outra ali.

9. O direito de ler em voz alta.

10. O direito de se calar.


Leve adiante...

"Se um dia os homens colocarem a paz, a amizade e a compreensão acima de tudo, qualquer lugar do mundo será um bom lugar." (autor desconhecido)







Leitores pelo mundo.

  © Livros, Bobagens e Guloseimas! - Desde 28 de julho de 2009 - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo