sexta-feira, 26 de agosto de 2011

O Pão da Amizade - Darien Gee - Lua de Papel

O pão da amizade, de Darien Gee, publicado pela Editora Lua de papel

Gracie, de apenas cinco anos, dava pulinhos de alegria diante do prato de porcelana que aparecera, misteriosamente, na varanda de sua casa contendo algumas fatias de um pão com aparência e aroma saborosos! Junto com o prato, delicadamente decorado, havia um saco ziploc com uma massa cheia de bolhas, as instruções para o pão da amizade e um pequeno bilhete que dizia: “Eu espero que você goste”.
Por Julia, mãe de Gracie, aquele saco iria diretamente para o lixo se não fosse pela animação da menina diante da possibilidade de assar o pão. Julia não queria assar aquela massa, não pela estranha e pegajosa aparência do conteúdo do saco ziploc, mas porque não encontrava ânimo para fazer qualquer coisa depois da tragédia que assolara sua vida.
Para ver Gracie feliz, Julia faria o pão. Não parecia ser difícil, precisava apenas de um pouquinho de dedicação, alguns apertões no saco ziploc, uns ingredientes básicos como trigo e leite, e o mais importante: o pão da amizade trazia em suas instruções uma clara solicitação, a massa deveria ser dividida e compartilhada com outras pessoas.
Compartilhar seria a parte mais difícil para Julia, já que há muitos anos havia se distanciado de seus amigos e de sua única irmã. Quando ela conhece Madeline, a doce viúva dona do salão de chá, e Hannah, uma famosa violoncelista que está tentando se habituar ao fim de seu casamento, ela vê uma boa oportunidade para compartilhar a massa do pão.
Julia, Madeline e Hannah firmam fortes laços de amizade e confiança, e entre massas e novas receitas para o pão da amizade essas três mulheres, juntas, irão enfrentar suas dores e resgatar sentimentos há tempos perdidos. Essa amizade restauradora ensinará a pequena cidade de Avalon uma das suas maiores lições sobre amor e esperança. Depois do Pão da Amizade Avalon nunca mais será a mesma.
 
Conforme Julia olha para o rosto de Gracie, molhado de lágrimas, ela sabe que só há uma solução. Estica a mão para pegar as instruções do Pão da Amizade e gruda na geladeira, com um imã. Dá um passo para trás, resignada, depois coloca o saco Ziploc cuidadosamente ao lado, enquanto puxa a filha para um abraço apertado.
- Guarde seu bilhete, Gracei. Vamos assá-lo em dez dias.
(pág. 22)

Em seu romance, O Pão da Amizade, Darien Gee construiu muito bem todos os seus personagens e desenvolveu sua estória com muita delicadeza e emoção. Darien possui uma linguagem simples e envolvente o que torna a narrativa fluida e agradável. Utiliza o drama na medida certa, sem permitir que a estória caia no comum e que seus personagens tornem-se clichês.

Com uma estória deliciosamente original e cheia de ternura, O pão da amizade é um livro que nos encanta. A estória nos fala de amor, amizade, respeito, renúncia, solidariedade e de outros tantos sentimentos que transbordam por suas páginas de uma forma tão comovente que é impossível não se deixar tocar.

Seus personagens principais possuem dores há tempos guardadas no coração e com o decorrer da trama podemos acompanhar seus sofrimentos aos poucos se dissolvendo. Não que eles deixem de existir, mas vão sendo substituídos pela esperança de continuar caminhando ao lado de amigos especiais e verdadeiros.

A estória possui também um grande número de personagens secundários onde aparecem em apenas um pequeno capítulo, mas são importantes na trama pois demonstram a forma rápida que o pão da amizade alcançou os lares de Avalon, e suas estórias são tão boas que fiquei desejando saber mais sobre eles.

Poderia dizer que a originalidade do livro é o seu grande aspecto positivo, mas prefiro destacar a fantástica lição de solidariedade que a obra transmite, sentimento encontrado de sobra em Julia, Madeline e Hannah. Esse livro é um verdadeiro presente e são muitas as lições que podem ser tiradas dessa doce e encantadora estória.

O pão da amizade é um livro imperdível. Com ele, Darien Gee consegue transmitir aos seus leitores ensinamentos preciosos de uma forma doce e sensível. Sem dúvida alguma eu presentearia um amigo com esse livro maravilhoso e na dedicatória não esqueceria de citar: “Eu espero que você goste”.



13 comentários :

  1. Olá!
    Adorei a resenha. O Pão da Amizade parece ser uma história cheia de lições de vida.
    BJs

    ResponderExcluir
  2. Li resenhas bem positivas acerca desse livro, o que me deixou mais e mais empolgada! A impressão que tenho é que a história vai mais para o lado sentimental e nobre, sem cair muito no óbvio, mas também sem nada de espetacularmente novo e complexo. E muitas vezes o simples dá mais certo que o complexo.
    A receita do pão já é um ponto que me cativou antes mesmo de saber se lerei ou não o livro!

    Bj,
    escrevendoloucamente.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha ouvido falar. Parece ser bonitinho. E livros com boas lições são tudo de bom. :)

    Bjs

    ResponderExcluir
  4. PARECE bacana, vi em alguns blogs... o povo em geral tem gostado muito.
    beijos
    boa sexta quase sábado.

    ResponderExcluir
  5. Miriam simplesmente me encantei com a sua resenha, nossa quando li a sinopse desse livro me apaixonei, agora fique doida para le-lo.

    Obrigado pelas palavras, afinal confio muito nelas, e se para você foi bom, com certeza ele também irá me pegar de jeito...\o/

    Beijokas Elis
    A Magia Real

    ResponderExcluir
  6. Este livro ainda não me empolgou para ler. Bjs, rose.

    ResponderExcluir
  7. Miriam, fiquei curioso para ler ele!

    Vou procurá-lo na minha próxima visita à livraria.

    Fico feliz por saber que você está acompanhando a história do Guilherme. Vamos ver o que ele vai decidir, torço que seja uma escolha sensata. haha

    Deixei um desafio pra você no blog, beijo e bom fim de semana!

    ResponderExcluir
  8. Oi Miriam,

    Também tive a oportunidade de ler esse maravilhoso livro enviado para o Concurso pela editora e confesso: EU AMEI ♥

    Lindo, lindo e recomendo!

    ResponderExcluir
  9. Nunca tinha ouvido falar desse livro!! Oo
    Adoro esses livros tocantes e com lições de vida, me lembra a época em que li A Menina de que Roubava Livros e Cidade do Sol, os dois livros que mais me emocionaram até hoje!
    Gostaria muito de ler esse também!

    Abraço

    Luiz Silva
    www.blogueiroleitor.com.br

    ResponderExcluir
  10. Espero ler logooo ;D

    Acho ele muito fofoooo e, principalmente, bom.

    Beijos,
    Lariane - www.leiturasedevaneios.com.br

    ResponderExcluir
  11. Ta ae um livro que com certeza eu vou gostar de ler, amo livros assim! A resenha ta demais!

    ResponderExcluir
  12. Danielle CGA Souza10 de maio de 2014 23:36

    Oi Miriam,
    Que capa linda e me deixou com fome. Adorei a ideia. E até entendo a Julia, encontrar pão na varanda seria bem estranho e assustador, meu lado paranoico acabaria vencendo. hahaha. Mas como isso é comum nos EUA, deve ter facilitado.
    O nome da cidade é fofo. E foi providencial para melhorar a vida da Julia. Eu adoro tramas com crianças envolvidas.
    Estou bem curiosa.
    Bjs!!!

    ResponderExcluir

Qual a sua opinião?

Comente a vontade e faça parte do blog!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Todos os marcadores

Livros ( 130 ) Novo Conceito ( 33 ) receitas ( 27 ) Promoção ( 26 ) guloseimas ( 24 ) Mensagens ( 23 ) lançamentos ( 22 ) Variedades ( 21 ) Resenha ( 19 ) Selinhos e mimos ( 17 ) Bobagens ( 14 ) Editora Arqueiro ( 13 ) Editora Planeta ( 13 ) Resultado de sorteio ( 13 ) divulgação ( 12 ) Danielle ( 11 ) Desafio Literário ( 10 ) Poesia ( 8 ) Coragem hoje é segunda-feira ( 6 ) Circuito Novo Conceito ( 5 ) Meg Cabot ( 5 ) Uma resenha pra chamar de minha ( 5 ) Editora Essência ( 4 ) Filmes ( 4 ) L. J. Smith ( 4 ) Marian Keyes ( 4 ) Nora Roberts ( 4 ) Novo Século ( 4 ) Universo dos Livros ( 4 ) Desafio Literário 2015 ( 3 ) Editora Intrínseca ( 3 ) Editora Underworld ( 3 ) Jeff Lindsay ( 3 ) Lisa Mcmann ( 3 ) Literatura Estrangeira ( 3 ) Literatura Nacional ( 3 ) Nicholas Sparks ( 3 ) Nicole Jordan ( 3 ) Rachel Gibson ( 3 ) Régine Deforges ( 3 ) Siobhan Vivian ( 3 ) Stieg Larsson ( 3 ) A Mediadora ( 2 ) Abbi Glines ( 2 ) Amazon ( 2 ) Beth Fantaskey ( 2 ) Carole Matthews ( 2 ) Dica de Leitura ( 2 ) Ebook ( 2 ) Editora Saída de Emergência ( 2 ) Editora Sextante ( 2 ) James Patterson ( 2 ) Jenna Black ( 2 ) Jenny Han ( 2 ) Jodi Picoult ( 2 ) Lançamento ( 2 ) Paulo de Castro ( 2 ) Portia da Costa ( 2 ) desabafo ( 2 ) Alicia Gallotti ( 1 ) Ally Carter ( 1 ) Amy Morin ( 1 ) Ana Paula Bergamasco ( 1 ) Angela Morrison ( 1 ) Anna Fagundes Martino ( 1 ) Anthony E. Zuiker ( 1 ) Audrey Niffenegger ( 1 ) Audrey Nixon ( 1 ) Babi Dewet ( 1 ) Barbara Delinsky ( 1 ) Becca Fitzpatrick ( 1 ) Bella Andre ( 1 ) Bernhard Schlink ( 1 ) Bruna Ischaffon ( 1 ) Cecelia Ahern ( 1 ) Chelsea Cain ( 1 ) Christine Feehan ( 1 ) Christine M. ( 1 ) Chuck Hogan ( 1 ) Clarice Lispector ( 1 ) Colleen McCullough ( 1 ) Dan Gemeinhart ( 1 ) Daniel Glattauer ( 1 ) David Gilmour ( 1 ) Drama ( 1 ) Duane Swierczynski ( 1 ) E. L. James ( 1 ) Editora Galera ( 1 ) Editora Globo ( 1 ) Editora Jardim dos Livros ( 1 ) Editora Modo ( 1 ) Editora Multifoco ( 1 ) Editora Pandorga ( 1 ) Editora Porto 71 ( 1 ) Editora Todas as Falas ( 1 ) Elizabeth Chandler ( 1 ) Elizabeth Gilbert ( 1 ) Enderson Rafael ( 1 ) Entrevista ( 1 ) Estantes ( 1 ) Eventos ( 1 ) FML Pepper ( 1 ) Fenelivro ( 1 ) Fern Michaels ( 1 ) Ficção ( 1 ) Gabrielle Charbonnet ( 1 ) Galera Record ( 1 ) Gary Smalley ( 1 ) Guilhermo Del Toro ( 1 ) Howard Roughan ( 1 ) Hugh Laurie ( 1 ) James A. Owen ( 1 ) James Bowen ( 1 ) Janaina Rico ( 1 ) Jane Austen ( 1 ) Janet Dailey ( 1 ) Jessica Spotswood ( 1 ) Jill Mansell ( 1 ) John Corey Whaley ( 1 ) John Green ( 1 ) Jojo Moyes ( 1 ) Joseph Ratzinger ( 1 ) Josiane Veiga ( 1 ) Julia Donovan ( 1 ) Julie Garwood ( 1 ) Karen Kingsbury ( 1 ) Karyn Bosnak ( 1 ) Katherine Applegate ( 1 ) Kiko Nogueira ( 1 ) Kimberly McCreight ( 1 ) Lauren Weisberger ( 1 ) Leisa Rayven ( 1 ) Leitura Nacional ( 1 ) Leticia Wierzchowski ( 1 ) Lilian Dorea ( 1 ) Livros; Emily Brontë; resenha; Lua de Papel ( 1 ) Marcelo Lima ( 1 ) Marco de Moraes ( 1 ) Marcos Bulzara ( 1 ) Maria Beaumont ( 1 ) Martha Argel ( 1 ) Mauricio Gomyde ( 1 ) Michael Grant ( 1 ) Nina Malkin ( 1 ) Não ao plágio ( 1 ) PE ( 1 ) Paolo Flores d'Arcais ( 1 ) Patrick deWitt ( 1 ) Paula Pimenta ( 1 ) Paulo Castro ( 1 ) Paulo Coelho ( 1 ) Primeiras Linhas ( 1 ) Prêmio Bang ( 1 ) Record ( 1 ) Romance ( 1 ) Rosana Rios ( 1 ) Rubem Alves ( 1 ) Sara Fawkes ( 1 ) Sarah Lotz ( 1 ) Sextante ( 1 ) Sobrenatural ( 1 ) Stacey Jay ( 1 ) Stella Florence ( 1 ) Stephanie Perkins ( 1 ) Stephenie Meyer ( 1 ) Suma de Letras ( 1 ) Susan Wiggs ( 1 ) Susane Colasanti ( 1 ) T. Greenwood; Livros ( 1 ) Tony Buzan ( 1 ) Vanessa de Cássia ( 1 ) Vida e Consciência ( 1 ) Wendy Markham ( 1 ) YA ( 1 ) Zíbia Gasparetto ( 1 ) amostrinha ( 1 ) corrida ( 1 ) cote ( 1 ) cotidiano ( 1 ) dicas ( 1 ) e-books ( 1 ) hora do planeta ( 1 ) runner ( 1 ) tags ( 1 )

Direitos do leitor (Daniel Pennac)

1. O direito de não ler.

2. O direito de pular páginas

3. O direito de não terminar um livro.

4. O direito de reler.

5. O direito de ler qualquer coisa.

6. O direito ao bovarismo (doença textualmente transmissível).

7. O direito de ler em qualquer lugar.

8. O direito de ler uma frase aqui e outra ali.

9. O direito de ler em voz alta.

10. O direito de se calar.


Leve adiante...

"Se um dia os homens colocarem a paz, a amizade e a compreensão acima de tudo, qualquer lugar do mundo será um bom lugar." (autor desconhecido)







Leitores pelo mundo.

  © Livros, Bobagens e Guloseimas! - Desde 28 de julho de 2009 - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo